Thursday, February 10, 2011

Há um momento...


Há sempre um momento em que escolhemos apaixonarmo-nos ou resistirmos!

1 comment:

Nuno Medon said...

Eu sou daqueles, que foge, mesmo que exista uma possiblidade forte de me apaixonar pela rapariga Y... Eu recentemente, fugi de uma pessoa que dizia gostar de mim, e tudo por ela viver nos arredores de Lisboa... não sei, tive medo que um segundo namoro, não desse certo.. fazemos mal em fugir. eu ainda não estava perdidamente apaixonado, mas estava a gostar dela. beijos e bom fim de semana. Se não foges dele, fazes tu muito bem.